Para quem tem um e-commerce, saber como fazer anúncios Google é muito importante, tendo em vista que essa é uma das principais estratégias de marketing digital que podem ser exploradas no segmento.

Porém, é comum que muitos gestores de e-commerce, principalmente os iniciantes, não tenham prática em anunciar no maior buscador do mundo. Foi pensando nisso que desenvolvemos este artigo.
 

A ideia é que esse material sirva como um guia com tudo o que você precisa saber para começar a fazer anúncios Google. Vamos lá?
 

Entenda o que é o Google Ads

Antes de qualquer coisa, é preciso entender o que é o Google Ads, a plataforma de anúncios Google. Ela surgiu ainda em 1998 e, desde então, vem crescendo cada vez mais, possibilitando que sejam criadas publicidades digitais para empresas de todos os segmentos.
 

A plataforma possibilita que os anúncios sejam mostrados quando as pessoas fazem buscas específicas. Uma loja de materiais de construção online, por exemplo, pode comprar palavras-chave como “argamassa para porcelanato”.
 

Dessa forma, quando os usuários buscarem por esse termo, visualizarão um anúncio da loja, que ficará em posição privilegiada nos resultados da pesquisa.
 

Conheça os benefícios de fazer anúncios no Google Ads

São diversos os benefícios encontrados na ferramenta Google Ads. Além dos links patrocinados, que citamos anteriormente, ela possibilita que sejam feitos anúncios em texto, vídeos, gráficos ou em aplicativos.
 

Veja, a seguir, alguns dos principais benefícios de se fazer anúncios Google em sua estratégia de e-commerce.
 

Acompanhamento do desempenho dos anúncios

No Google Ads, você pode saber exatamente o número de pessoas que visualizaram e clicaram no seu anúncio. A essa métrica é dado o nome de taxa de impressão.
 

Por meio desse relatório, você conhece melhor o seu público-alvo e as personas, para, então, poder direcionar melhor as suas estratégias e campanhas.
 

Possibilidade de testar os anúncios

Também é possível que você teste os anúncios, para saber o que está ou não funcionando. Dessa forma, podem ser feitas alterações no anúncio, caso seja necessário.
 

Controle do orçamento

Os ajustes no orçamento podem ser feitos sempre que desejado, sem que seja necessário pagar qualquer tipo de taxa. Se for o caso, você também pode encerrar a campanha.
 

Segmentação por canais e tópicos

É possível segmentar os seus anúncios para tópicos específicos, que abordam um tema que tenha ligação com o seu segmento de atuação.
 

Se você tem uma loja online de alimentos saudáveis, por exemplo, pode direcionar o seu anúncio para blogs e sites que abordem questões desse segmento.
 

Assim, os banners serão mostrados para pessoas que realmente têm interesse naquilo que você está vendendo.
 

Escolha do local de exibição do anúncio

Outra vantagem dos anúncios Google é a escolha do local em que eles aparecem. É possível optar por mostrar a publicidade digital em sites pessoais ou comerciais, por exemplo.
 

Segmentação de público

O público que vai receber o seu anúncio pode ser segmentado, de acordo com a idade, idioma, localização geográfica, gênero, preferências pessoais, entre outros tópicos.
 

Programação de horários

Também é possível escolher os horários ou os dias da semana em que os seus anúncios serão exibidos. Isso é muito interessante, principalmente, quando você tem promoções exclusivas em determinado dia da semana, por exemplo.
 

Segmentação por dispositivos

A plataforma do Google Ads possibilita que você segmente os anúncios por dispositivos. É possível optar por mostrar a publicidade apenas para pessoas que acessarem pelo celular ou pelo computador.
 

Controle de investimento

O controle de investimento também é uma vantagem. Isso porque você poderá decidir se os investimentos serão feitos por dia, por mês ou por campanha.
 

A cobrança também pode ser configurada para que seja feita após um determinado número de cliques, ou apenas quando a conversão acontecer.
 

Possibilidade de avaliar o ROI

O retorno sobre o investimento (ROI) também pode ser mensurado ao fazer anúncios Google. É possível saber quantos cliques foram dados e quantas impressões ocorreram.
 

Além disso, você pode saber quantos dos usuários que clicaram no anúncio realizaram algum tipo de conversão, como preencher um formulário em uma landing page, por exemplo.
 

Essa técnica possibilita coletar dados dos usuários, como o e-mail, por exemplo. Assim, é possível fazer o remarketing e aumentar as chances de transformar leads em clientes.
 

Conhecendo a plataforma de anúncios Google

Se você pretende criar anúncios Google para o seu e-commerce, precisa conhecer bem a plataforma utilizada para essa finalidade.
 

Veja, a seguir, os principais recursos do Google Ads e como eles podem ser usados no seu e-commerce.
 

Rede de pesquisa

A rede de pesquisa é formada pelos resultados das buscas feitas pelos usuários. Nesse caso, os anúncios Google são exibidos em áreas de destaque, como nas primeiras posições do resultado de pesquisa por determinada palavra-chave.
 

Além do Google, a rede de pesquisa também conta com ferramentas de buscas de portais parceiros, como o G1 e o Terra.
 

Rede de display

A rede de display é formada por diversos canais mantidos pelo Google, como o YouTube, o Blogger e o Gmail. Além disso, também fazem parte do grupo os sites e blogs parceiros, que usam o Google AdSense.
 

Ao usar a rede de display, os seus anúncios Google terão um alcance muito grande. Isso porque são inúmeras as possibilidades de chegar até o seu público.
 

Depois de fazer uma pesquisa ou clicar em um link patrocinado, por exemplo, o usuário começará a receber anúncios Google do seu e-commerce em diversas plataformas.
 

Ele poderá ter que assistir um vídeo de publicidade da sua marca antes de consumir um conteúdo do YouTube, por exemplo. Também é possível que um banner ou push notification apareça quando ele estiver lendo uma reportagem em um portal de notícias parceiro.
 

Esse tipo de campanha é chamado de remarketing. Isso porque o usuário será impactado várias vezes por anúncios da sua empresa, em diferentes canais, até que ele se sinta confortável em comprar de você.
 

Passo a passo: aprenda a criar anúncios Google

Agora que você já conhece mais sobre a plataforma do Google Ads, vamos explicar o passo a passo para que você possa criar anúncios para o seu e-commerce. Confira!
 

1º passo: acesse o Google Ads

A primeira coisa que deve ser feita é acessar o site do Google Ads. Feito isso, clique em “Começar agora”.
 

Você terá que se identificar com login e senha do Gmail. Caso ainda não tenha uma conta de e-mail do Google, precisará criar uma.
 

2º passo: crie uma nova campanha

Na página inicial do Google Ads, clique em “Campanhas”, na barra lateral esquerda. 
 

Em seguida, clique no botão azul com o símbolo “+” e selecione a opção “Nova campanha”.
 

3º passo: escolha um tipo de campanha

Agora, você precisa criar um tipo de campanha. Existem seis opções:

  1. Anúncios de texto;

  2. Anúncios de diversos tipos na web;

  3. Promoção de produtos no Google Shopping;

  4. Anúncios no YouTube;

  5. Campanhas para apps; e

  6. Anúncios em todas as plataformas web.
     

4º passo: selecione a meta da sua campanha

Agora é preciso que você selecione uma meta para a sua campanha. Dessa maneira, as configurações do algoritmo serão realizadas de acordo com o seu objetivo.
 

As metas disponíveis são as seguintes:

  • vendas;

  • leads;

  • tráfego do site;

  • consideração de produto e marca; e

  • alcance e reconhecimento da marca.
     

Depois de escolher a meta, é necessário escolher como você deseja alcançá-la. Aqui também existem diferentes opções. São elas:

  • visitas ao site;

  • ligações telefônicas;

  • visitas à loja física; e

  • download do aplicativo.
     

Feito isso, clique no botão “Continuar”.

5º passo: configure a sua campanha

Nessa etapa, você precisa criar um nome para a sua campanha. Ele fica disponível apenas para você e serve para identificar e organizar as suas atividades.
 

Caso a sua campanha envolva as redes de pesquisa, precisa selecionar se deseja que os seus anúncios também apareçam na rede display (sites parceiros) ou não.
 

6º passo: segmentação do local e idioma da campanha

Agora, você precisa segmentar as localidades e os idiomas das campanhas. 

Assim, os anúncios Google serão mostrados para as pessoas que estão nos locais definidos e sejam falantes da língua escolhida.
 

7º passo: defina o orçamento diário e a estratégia de lance

Com a segmentação pronta, você precisa definir o orçamento, ou seja, o valor médio que será pago por dia.
 

Vale lembrar que esse não é um valor fixo, tendo em vista que varia de acordo com a quantidade de cliques e impressões. No entanto, o preço nunca passará o máximo mensal definido.
 

Aqui, também será mostrada uma tela para você definir as estratégias de lance, e em qual métrica deseja focar. As opções são:

  • conversões;

  • valor da conversão;

  • clique;

  • parcela de impressões; e

  • impressões visíveis.
     

8º passo: defina as datas de começo e fim da campanha

Nessa etapa, você deve definir uma data para que a sua campanha comece a ser exibida. 
 

Vale lembrar que não necessariamente ela precisa ter um fim definido. Você pode deixar o espaço em branco para que os anúncios sejam mostrados de forma contínua.
 

9º passo: determine o público-alvo

A partir de informações demográficas e interesses pessoais, você pode segmentar o seu público.
 

Quanto mais detalhada for essa segmentação, melhor, tendo em vista que os anúncios serão mostrados para pessoas que realmente têm interesse em comprar do seu e-commerce.
 

10º passo: faça as configurações adicionais

Essa etapa é opcional e permite que você edite algumas configurações mais avançadas nas suas campanhas de anúncios.
 

11º passo: configure os seus anúncios

Essa etapa é necessária apenas para quem pretende anunciar na rede de display. É preciso preencher o lance máximo, ou seja, o quanto deseja pagar por clique em um grupo de anúncios.
 

12º passo: crie um grupo de anúncios

Crie um grupo de anúncios e clique em “salvar e continuar”. Após isso, você será levado a uma página em que deve definir as palavras-chave para fazer a segmentação. Isso só precisa ser feito por quem está anunciando na rede de pesquisa, assim como a etapa posterior.
 

13º passo: crie os anúncios

Agora, é chegado o momento de criar os anúncios em si. Para isso, devem ser preenchidos os campos de título, URL e descrição.
 

Você poderá visualizar como os anúncios Google serão mostrados para o usuário quando este fizer pesquisas.
 

14º passo: confirme os dados da sua campanha

Feito! Agora você está com a sua campanha criada. Basta você confirmar se tudo está correto e dar sequência.
 

15º passo: ative a sua conta

Agora que a sua campanha está criada, ative a conta para que os anúncios comecem a rodar.
 

Caso ainda não tenha feito, vá até o campo “Faturamento e pagamentos”. Assim, você poderá preencher as informações necessárias para que o Google faça a cobrança.
 

Agora, você já sabe mais sobre como usar os anúncios Google no seu e-commerce! Lembre-se que já existem plataformas para lojas virtuais que têm integração com o Google Ads, como é o caso da LifeApps. Além do Google, você também pode fazer anúncios online em outras plataformas!