Integrar diferentes canais de vendas é uma das formas mais interessantes de expandir as vendas e crescer os negócios. Essa tática pode funcionar para todas as empresas que desejam vender em multicanais e expandir os seus resultados no mercado em que atuam. Para isso, é preciso buscar soluções tecnológicas que reúnam em um único ambiente todos os meios de comunicação da sua empresa.

Hoje em dia, o cliente não busca apenas os melhores preços e produtos, ele se preocupa, também, em ter a melhor experiência. Por isso, é importante entender essa nova realidade, em que o consumidor, através da transformação digital, fragmenta sua jornada de compras em diversos canais de vendas. 

A partir daí, é preciso aprender como integrar esses canais e proporcionar a melhor experiência que o seu cliente pode ter no mundo das compras. Veja, a seguir, o que é integração dos canais de vendas, sua importância e os 7 passos para integrar esses diferentes canais. 

O que é a integração dos canais de vendas?

Nos últimos anos, o comportamento do consumidor, especialmente no digital, vem sendo constantemente modificado. Com isso, os empreendedores estão buscando oportunidades de fechar vendas em diferentes canais, e as empresas estão trabalhando para se adequar de maneira eficiente para atender à essa nova realidade.

O principal desafio é fazer com que a tecnologia seja utilizada a favor do negócio. Dessa forma, a operação pode ser centralizada, e as rotinas de backoffice são agilizadas, oferecendo melhores experiências na jornada de compra do consumidor e maior facilidade na gestão empresarial.

Uma forma de integrar diferentes canais de vendas é oferecer a oportunidade de o cliente comprar em lojas virtuais, mas retirar o seu produto na loja física da empresa. Essa solução evita gastos com frete, fazendo com que o consumidor não precise pagar pela entrega, o que representa um benefício importante no custo final da compra.

Ou seja, de forma simplificada, a integração dos canais de vendas consiste em oferecer aos seus clientes um atendimento ininterrupto e funcional. E ele passa a ter autonomia para optar pela forma de comunicação com a empresa que seja mais adequada para ele, podendo fazer o primeiro contato por um canal, comprar por um segundo, pagar por um terceiro e receber por um quarto – tudo conforme a sua escolha.

Por que é importante integrar canais de vendas?

O fato é que integrar diferentes canais de vendas como lojas físicas, lojas virtuais e marketplaces é fundamental para o bom funcionamento de um negócio nos dias de hoje. 

Afinal, o novo comportamento do consumidor exige que a empresa ofereça essa possibilidade para se destacar diante das demais, oferecendo a melhor experiência com a marca.

Além disso, essa estratégia permite uma gestão otimizada, através da centralização de todas as informações de estoque, compras, vendas e finanças. Ou seja, a cada compra feita em um dos canais de vendas, o sistema atualiza as quantidades de estoque disponíveis para venda em todos os outros pontos.

A empresa também terá acesso rápido a todas as vendas realizadas em todos os canais, podendo comparar aqueles que oferecem melhores resultados. A partir daí, é possível traçar estratégias mais assertivas para aumentar o faturamento do negócio. Essa tática também facilita a criação de anúncios direcionados para cada público consumidor.

Além de possibilitar o acompanhamento de todas as operações e processos do negócio, fazer a integração entre os canais de vendas permite resolver erros de forma rápida. Afinal, de forma separada, fica difícil para a gestão lidar com tantos dados dos setores financeiros, de estoque, logística, entre outros.

Um software voltado para integrar os diferentes canais de vendas oferece grande capacidade gerencial. Ele possibilita configurações que permitem às empresas conectarem um ou mais canais de vendas, como lojas físicas, plataformas de e-commerce e marketplaces.

7 passos para integrar diferentes canais de vendas

Trabalhar com diferentes canais de vendas pode parecer uma missão complexa, e integrar todos eles é um grande desafio. Mas, a verdade é que essa integração é justamente o que facilita essa estratégia e permite que todas as estruturas funcionem de forma eficaz e tragam os resultados esperados.

Para isso, o empreendedor precisa entender bem como esse processo deve ser feito. E ter em mente que essa estratégia de atendimento em vários canais de vendas proporcionam uma experiência de muito valor para o cliente, se eles estiverem integrados. Sendo assim, o primeiro passo é promover o máximo de sinergia entre esses canais.

Com essa ligação profunda, os processos de atendimento podem se desenvolver de maneira mais fluida, eficiente e dinâmica. Se a experiência do cliente for fracionada, através de várias ações desconectadas, ela será prejudicada, e existem grandes chances de a empresa perder esse consumidor.

O cliente não gosta de ter que repetir falas e processos durante a sua jornada, a cada novo contato, ou a cada transferência de canal. Por isso, é muito importante estruturar as suas estratégias para integrar diferentes canais de vendas, e isso deve ser feito através dos passos abaixo.

1. Estude a jornada do cliente

O cliente pode passar por alguns caminhos diferentes desde o primeiro contato, passando pelo envolvimento, interesse e motivação, até chegar a fechar a compra. E a empresa precisa conhecer e estudar cada um deles para poder criar estratégias específicas para cada caminho e cada fase que o consumidor se encontra nessa jornada.

Por exemplo, o primeiro contato pode ocorrer através de diferentes meios. Ele pode iniciar através da visualização de uma fachada de uma loja física, de uma visita no site da empresa ou até da visualização de uma postagem em uma rede social de um algum conhecido que compartilhou algo sobre a sua empresa.

Como o relacionamento com o cliente é feito através de vários canais de vendas, é preciso estudar o caminho que pode ser traçado, passando por todos eles. Alguns clientes podem ser mais adaptados à tecnologia, enquanto outros tendem a ser mais resistentes. E existem ainda os que utilizam vários meios de comunicação, de forma combinada.

É preciso estudar cada caminho que um possível cliente pode percorrer até o fechamento da compra. Na verdade, até além disso, afinal, o objetivo ultrapassa a venda, ele se estende à fidelização do consumidor. Por isso, é necessário entender com o máximo de detalhes, todos os hábitos, comportamentos, problemas e dificuldades da sua persona.

Isso permite descobrir se algum ponto do seu sistema está com problemas ou precisa ter a sua estratégia modificada para impulsionar os seus resultados. Dessa forma, a empresa consegue facilitar o acesso do cliente ao até o seu produto ou serviço e contornar possíveis obstáculos que estejam impedindo que o consumidor chegue até você.

2. Defina os processos

Com essa jornada bem estudada, é possível elaborar estratégias mais assertivas para atrair consumidores. Dessa forma, você pode definir processos que ajudem a integrar esses canais de vendas e que também foque em eliminar possíveis problemas que o cliente possa vir a ter durante a sua jornada.

Existem alguns detalhes que precisam ser observados na hora de integrar os diferentes canais de vendas da sua empresa. Observe o acesso ao compartilhamento entre canais e a disponibilização de dados sobre produtos. Fique atento também à reposição do estoque e as imagens digitais, que precisam ser claras e consistentes com os produtos da loja física.

Observe também a comunicação interna da sua empresa. É preciso que o colaborador tenha fácil acesso a todas as respostas importantes sobre os produtos da loja, sempre que algo for questionado. Definir processos que otimizem esses pontos possibilita uma experiência mais satisfatória para o seu cliente.

Por exemplo, digamos que o seu cliente acessa uma informação sobre o estoque de um produto através de um marketplace. Mas quando ele se informa na sua cidade, a informação de estoque não bate com a realidade da loja física. Esse problema pode afastar o consumidor e até gerar uma propaganda negativa para a sua empresa.

Por isso, esses processos devem ser alinhados para que a jornada de compra dele seja fluida, independente dos canais de vendas escolhidos por esse cliente.

3. Treine a equipe

A sua equipe precisa entender do que se trata a integração dos diferentes canais de vendas e se comprometer com o processo. Por isso, incentive a criação de um time conjunto, e não permita que haja uma competição entre equipes de lojas físicas e do meio virtual. Todos precisam ter um bom relacionamento entre si e trabalhar em conjunto para atingir os melhores resultados.

Afinal de contas, não adianta ter uma integração perfeita através de um software de qualidade se as interações humanas estão enfraquecidas. Sendo assim, elabore treinamentos que incentivem uma ação conjunta e frise a importância do papel de cada um para que haja parceria e dedicação para a entrega de um trabalho de excelência.

O processo estruturado em todos os canais de vendas e as ferramentas disponíveis precisam ser dominados por todos os funcionários da empresa. Dessa forma, as informações passadas serão corretas e estarão alinhadas, proporcionando assim, melhores resultados.

4. Integre os sistemas

A integração dos diferentes canais de vendas é o ponto central da estruturação do negócio. Sendo assim, é preciso investir em ferramentas de alto nível para obter os resultados desejados. Para isso, podem ser utilizados aplicativos que centralizam o atendimento dos diversos canais de vendas e sistemas de cadastramento de produtos.

Também podem ser usados sistemas de inteligência artificial que fazem análises dos dados coletados. Ainda podem ser utilizados  os bots de atendimento e também um sistema integrado de gestão, que organiza os processos e disponibiliza as informações em tempo real para todos que precisam delas.

É preciso entender que cada um dos canais de vendas é um recurso complementar. E a integração entre eles garante uma experiência positiva para o cliente. Sendo assim, qualquer dado inacessível em qualquer um desses canais, pode ser um ponto fraco que precisa ser analisado e corrigido para que a integração atue com máximo potencial.

5. Monitore e avalie os resultados

As plataformas para integração de canais de vendas existentes no mercado são capazes de atender a todos os segmentos e contribuem para o monitoramento constante de dados. Além disso, elas fornecem relatórios completos e informações por métricas que facilitam o processo de gestão e contribuem para uma análise mais detalhada do negócio.

Esse monitoramento parece simples na teoria, porém, na prática, nem tudo ocorre como esperamos. Afinal, operar em vários canais de vendas diferentes envolve uma logística bastante complexa. Precisamos analisar os dados coletados, identificar as falhas e corrigir os problemas existentes para otimizar os resultados.

Porém, toda nova iniciativa requer adaptação. A análise desses dados não é simples e exige determinação. Mas, a partir do momento que se cria o hábito de coletar dados, analisar, identificar gargalos a serem corrigidos e traçar novas estratégias, os benefícios colhidos passam a ser fundamentais para o bom desenvolvimento da empresa.

6. Aprimore constantemente

A partir do momento que a integração dos canais de vendas é implantada na empresa, e que os dados passam a ser analisados, é preciso estar sempre aprimorando as estratégias traçadas. Existem ajustes que precisam ser feitos de forma constante e que ajudam a manter a tática estabelecida sempre em bom funcionamento.

E essas modificações devem ser feitas de acordo com uma lista de prioridades. Ou seja, se existe um problema expressivo em um dos canais de vendas utilizados, ele precisa ser resolvido em primeiro lugar, e o quanto antes, para que os problemas não cresçam e acabem prejudicando a empresa ou gere algum dado a imagem do negócio.

7. Conte com um software

Contar com um software especializado é fundamental para controlar todas as interações entre os diferentes canais de vendas de uma empresa. E as novas exigências do mercado pedem que essas interações proporcionem uma comunicação instantânea e eficiente.

Além disso, o software precisa ajudar a entender os clientes, as compras e permitir fazer o cadastro e a organização dos perfis, que colaboram no processo de pré-venda, venda e pós-venda.

O Venda+ é um aplicativo feito para o representante comercial atuar também nas vendas do e-commerce. Ele permite a integração entre os canais de venda online e externos. Com ele, você terá acesso ao carrinho de compras do cliente no e-commerce e uma maior positivação do vendedor externo com vendas não presenciais.

Funciona como um canal de relacionamento e negociação entre o vendedor externo e o cliente. E também possibilita um atendimento mais próximo com clientes menores e de difícil acesso.

Para saber mais sobre o assunto, conheça o Venda+, a ferramenta da LifeApps que possibilita que vendas online e físicas caminham juntas.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *