Será que vale a pena investir em um aplicativo para vender online? Com o crescimento do uso de dispositivos móveis no dia a dia, essa é uma dúvida que se torna cada vez mais comum dentro das organizações brasileiras.
 

O grande dilema costuma ser a escolha entre um aplicativo para vender online, um website ou ambas opções. Para tomar a melhor decisão, é fundamental avaliar todos os aspectos importantes sobre o assunto.
 

Afinal, é preciso que levar em consideração o contexto em que estamos vivendo: um aumento exponencial das compras feitas em dispositivos móveis. A conveniência que o comércio eletrônico móvel oferece, permitindo que o usuário compre qualquer coisa, em qualquer lugar, é um dos principais fatores de atração da plataforma. 
 

Todo mundo tem um dispositivo móvel à mão, não é? As pessoas usam esses dispositivos para procurar informações, ler notícias, acompanhar os eventos do dia a dia e até fazer compras. Por isso, esse é um lugar para as empresas investirem. Chegou a um estágio em que não basta ter um site de comércio eletrônico: para que a loja de comércio eletrônico alcance todo o seu potencial, é essencial ter um aplicativo móvel como alternativa.
 

A previsão é de que, até 2021, as vendas por meio de dispositivos móveis atingirão US $ 3,5 trilhões, que corresponde a 72,9% do comércio eletrônico total. Portanto, para permanecer relevante no jogo, é importante para uma marca de comércio eletrônico investir em um aplicativo para vender online.
 

Mas como fica o website em relação ao crescimento dos dispositivos móveis? E quais são as principais diferenças entre esses dois canais de vendas? Acompanhe!
 

O que escolher: aplicativo para vender online ou website de vendas

Para que seja possível estabelecer uma comparação entre um aplicativo para vender online e um website, é preciso iniciar pelos conceitos básicos.
 

Os websites para vendas são baseados em navegador, o que significa que você pode acessá-los pela internet sem instalar um aplicativo. Eles podem funcionar como sites normais no seu computador. No entanto, alguns se ajustam automaticamente a diferentes dispositivos com recursos adicionais especialmente desenvolvidos para soluções móveis.
 

Os aplicativos móveis, por outro lado, são aplicações que podem ser baixados ou instalados nos dispositivos, geralmente através do Google Play ou Apple Store. Eles também podem ser acessados pela internet e fazer download de informações, que são armazenadas na memória do telefone. Muitos aplicativos móveis não requerem uma conexão com a internet para funcionar, porque os dados e as informações já foram baixados dentro do aplicativo.
 

Website

Vantagens de um website de vendas
 

1. Acessível em todos os dispositivos

Um website responsivo pode ser acessado por meio de qualquer dispositivo, desde que haja um navegador de internet. A compatibilidade não será um problema, dando ao negócio um alcance mais amplo entre os clientes. Além disso, não é preciso fazer download de nada – apenas uma boa conexão com a internet é o suficiente.
 

2. Otimização para mecanismos de busca

Um bom posicionamento no Google é ótimo para atrair mais visitantes (e potenciais clientes). Com um website de vendas, você tem a oportunidade de formular estratégias de SEO que podem aumentar significativamente o seu tráfego orgânico.
 

3. Custo x benefício

A criação de um website é um processo relativamente fácil e rápido. Em comparação com o desenvolvimento de um aplicativo, o website requer menos despesas e esforços.
 

Desvantagens de um website de vendas
 

1. Sem acessibilidade offline

E se seus clientes quiserem navegar em seu carrinho de compras ou lista de desejos? Se eles não estiverem conectados à internet, isso não será possível. Para acessar um website de vendas, é fundamental que exista uma conexão.
 

2. Baixa velocidade de carregamento

A baixa velocidade para carregar todos os elementos da página é uma das partes mais fracas de um website de vendas. E cada mudança de página requer um novo carregamento. Isso prejudica o desempenho e o potencial do negócio, pois muitos visitantes podem optar por não aguardar.
 

3. Necessidade de manutenção

Um website de vendas requer manutenção diária – independentemente da plataforma utilizada –, seja para corrigir falhas, adicionar novos conteúdos ou promover mudanças nas páginas. Trata-se de uma rotina que consome tempo e recursos de uma empresa.
 

4. Interface não muito amigável

É por isso que a maioria dos usuários prefere usar aplicativos móveis em vez de navegar na web para usar suas plataformas favoritas. Um site para celular, geralmente, não ajusta sua interface com base no dispositivo, levando a uma experiência ruim do usuário.
 

Aplicativo para vender online

Vantagens de um aplicativo para vender online
 

1. Operação mais rápida

Os aplicativos móveis são muito mais rápidos do que os sites. Mesmo um site para celular responsivo bem preparado e otimizado não pode corresponder à velocidade de um aplicativo. Hoje, as empresas se preocupam em fornecer o serviço o mais rápido possível. Um pequeno atraso pode causar perdas massivas, e isso leva ao descontentamento do cliente.
 

O benefício funcional que um aplicativo para vender online tem é a capacidade de armazenar dados localmente e recuperar o conjunto de dados relevante instantaneamente. Ao contrário dos aplicativos, os sites móveis precisam buscar os dados longe dos servidores, e o tempo de latência atrasa seu desempenho. Além disso, as estruturas de código sofisticadas usadas para o desenvolvimento de aplicativos móveis são mais rápidas do que os scripts usados para o desenvolvimento de sites.
 

2. Experiência personalizada

Os clientes têm mais afinidade com a experiência de compra personalizada. Estar rodeado de produtos e serviços relevantes facilita a tomada de decisão. É aqui que os aplicativos móveis levam mais os usuários a isso. Oferecer recomendações em tempo real e ofertas de produtos filtradas estimula cada cliente a construir um vínculo emocional com o aplicativo.
 

Os apps móveis fornecem conteúdo adequado ao cliente e experiência personalizada. Analisar o comportamento do usuário, a sua localização, o idioma e os aplicativos de interesse pode personalizar uma experiência agradável para os clientes. Além disso, o aplicativo móvel oferece recursos de personalização para os usuários definirem suas preferências. Isso ajuda o mercado de comércio eletrônico a alcançar os clientes certos com os produtos certos.
 

3. Acesso online e offline

Uma das vantagens dos aplicativos móveis é que eles podem ser acessados offline, de forma instantânea e com todas as suas funcionalidades. Mantendo os dados relevantes dentro do dispositivo, ele funciona muito bem nos modos online e offline, e esse é o fator importante que faz com que se destacarem.
 

Oferecer acesso offline também contribui para uma experiência perfeita para o cliente. Os usuários podem verificar o conteúdo sem conexão com a internet e se manter atualizado sobre as ofertas e suas listas de desejos. Como resultado, isso leva a um envolvimento do usuário, que se transforma em negócios.
 

4. Uso dos recursos do dispositivo

Os aplicativos móveis podem aproveitar os recursos de dispositivos nativos perfeitamente. Por exemplo, os aplicativos podem pedir permissão para acessar a câmera, serviço de localização, gateways de pagamento, etc. para facilitar o serviço.
 

Além disso, eles aproveitam as funcionalidades de notificação e medidas de segurança para fornecer um serviço de qualidade. Assim, a utilização de diferentes recursos de aplicativos de dispositivos móveis pode fornecer uma experiência de compra excepcional aos clientes.
 

5. Atualizações e notificações instantâneas

Este é um dos motivos mais convincentes que inspiram as lojas de comércio eletrônico a criarem um aplicativo para vender online. A notificação push é uma ótima maneira de interagir com os usuários e gerar mais oportunidades de vendas. Independentemente do interesse do usuário, esta facilidade ajuda a mantê-los próximos da sua marca.
 

A notificação no aplicativo mantém os usuários atualizados sobre as ofertas e as novidades da empresa. Além disso, analisando o comportamento do usuário, as empresas podem usar essa opção para chamar a atenção dele para suas áreas de interesse.
 

6. Aumento do reconhecimento da marca

Um aplicativo serve como um embaixador da marca para a empresa. Ele tem possibilidades ilimitadas de envolver clientes em diferentes dimensões. Da parte do design à estratégia de comunicação, os aplicativos podem ajudar a melhorar o reconhecimento da marca. 
 

7. Acessibilidade e produtividade

Os aplicativos móveis são uma ótima maneira de reduzir custos e aumentar a produtividade. Como eles podem conectar fornecedores e clientes por meio de um único canal direto, reduz as despesas extras de marketing. 
 

Os aplicativos móveis facilitam a execução da campanha de marketing sem a necessidade de consultas e integrações de terceiros. 
 

8. Interação aprimorada do usuário

Os clientes gostam de experiências imersivas. Consequentemente, um aplicativo para vender online é sua melhor solução para proporcionar uma experiência de compra satisfatória. Com a interface de usuário exclusiva, os aplicativos móveis podem aproveitar seu grande potencial para envolver os usuários de várias maneiras. Especialmente ao melhorar a experiência de compra com formas mais interativas, eles ajudam as empresas a criarem confiabilidade entre os usuários.
 

Desvantagens de um aplicativo para vender online
 

1. Complexidade no desenvolvimento

Os aplicativos podem ser mais complicados de desenvolver do que um website. Afinal, estamos falando da criação de uma aplicação compatível com Android e IOS.
 

2. Necessidade de manutenção

Assim como o website, o aplicativo para vender online requer manutenções frequentes. Você deve considerar os problemas futuros que podem surgir devido às mudanças nas necessidades dos usuários. Além disso, oferecer um suporte aos usuários também é muito importante.
 

Afinal, qual é o melhor canal de vendas online?

Vimos como o aplicativo para vender online é uma grande tendência no mercado – sendo responsável por ótimos resultados de vendas. Além disso, são muitos os benefícios na sua utilização.
 

Entretanto, isso não significa que o website de vendas deve ser deixado de lado. Na verdade, esses dois canais de vendas podem ser usados de forma complementar para aumentar o número de opções para os clientes – elevando a qualidade da experiência entregue.
 

Neste contexto, é importante destacar que o aplicativo para vender online deve ser beneficiado como uma forma mais próxima de relacionamento, fidelização e vendas. Afinal, o futuro das vendas online passa pelos dispositivos móveis.
 

Você já conhecia as diferenças entre um aplicativo próprio e um website de vendas? Está disposto a investir em um aplicativo para vender online para o seu negócio? Descubra como a LifeApps pode ajudá-lo!