O atacado distribuidor é um negócio cercado de particularidades. A negociação de grandes remessas de mercadoria exige que toda operação seja muito bem planejada – e como vamos ver, com as redes sociais do atacado distribuidor isso não é diferente. Afinal, a manutenção de volumes de estoque significativos representa um risco para qualquer empresa.

Outra questão que nos chama a atenção é a necessidade de empresas do setor se diferenciarem para além do preço, já que os principais concorrentes também trabalham para cobrar menos por seus produtos. Em função disso, o atacado distribuidor precisa pensar em como oferecer soluções verdadeiramente capazes de gerar valor para seus clientes, e não ser apenas mais um no mercado em que atua.

Frente a esse objetivo, as redes sociais do atacado distribuidor são canais de comunicação indispensáveis para quem deseja qualificar o relacionamento com o seu público e vender mais. Para quem deseja saber como criar uma estratégia assertiva nessa área, preparamos este artigo com oito dicas que você precisa conhecer. Confira!

1. Segmente seu público

Antes de criar um perfil institucional nas redes sociais do atacado distribuidor e começar a publicar conteúdo, é muito importante identificar para quem essas publicações serão direcionadas. No caso de um atacado distribuidor, pode ser que a empresa mantenha uma estratégia de oferecer produtos não somente para empresas (venda B2B), mas também, de forma pontual, para o varejo (venda B2C).

Nesse caso, teremos públicos distintos, o que exige a estruturação de um tipo de comunicação própria para cada um deles. Isto é, teremos conteúdo direcionado para empresas e para os clientes dessas empresas.

Não podemos esquecer que, para cada um desses perfis, há temas de interesses próprios que devem ser explorados. Ao estruturar sua estratégia de conteúdo, você deve, inclusive, mapear quais tópicos são mais relevantes.

E na hora de conhecer mais a fundo as características dos clientes preferenciais de sua empresa, não poupe esforços em pesquisas de mercado, reuniões com os principais gestores da empresa, entre outros tipos de sondagens capazes de definir, de fato, quem é seu público.

2. Utilize fotos de qualidade

A qualidade das imagens em redes sociais do atacado distribuidor é indispensável para qualificar o perfil de seu negócio. No Instagram, principalmente, este é o formato predominante de conteúdo.

Pensando nisso, você deve profissionalizar a produção das publicações para as redes de seu negócio. Utilize uma câmera com excelente resolução, além de caprichar na edição e produção dos conteúdos.

É importante, também, ficar atento ao formato das imagens para cada rede. Atualmente, as principais redes trabalham com as seguintes proporções:

Instagram

Perfil no Instagram

  • Imagem de perfil: 720 x 720 px

Posts no Instagram

  • Imagem quadrada do feed: 1080 x 1080 px
  • Imagem vertical do feed: 1080 x 1350 px (altura máxima)
  • Imagem horizontal do feed: 1080 x 566 px (altura mínima)

Instagram Stories

  • Instagram Stories: 1080 x 1920 px (mínimo 600 x 1067 px)

Facebook

Capa e perfil para Grupos, Eventos e página pessoal no Facebook

  • Imagem de capa: 851 x 315 px
  • Imagem de capa para Grupos: 640 x 334 px
  • Imagem de capa para Eventos: 1920 x 1080 px
  • Imagem de perfil: 180 x 180 px

Postagens no Facebook

  • Post com imagem: 1200 x 1200 px
  • Post com link e imagem: 1200 x 628 px
  • Facebook Stories: 1080 x 1920 px

Anúncios no Facebook

  • Anúncio com imagem única: 400 x 500 px (mínimo)
  • Anúncio com link e imagem: 1080 x 1080 px (recomendado)
  • Anúncio com carrossel: 1080 x 1080 px (recomendado)

Linkedin

Capa e perfil no LinkedIn

  • Imagem de capa: 1536 x 768 px
  • Imagem de perfil: 300 x 300 px

Postagem no LinkedIn

  • Post com imagem: 1200 x 1200 px
  • Post com link e imagem: 1200 x 627 px

3. Crie conteúdos relevantes

Um dado interessante a respeito do Instagram, especificamente, é que a maior parte das publicações contam com menos de 10 curtidas. Isso significa que a imensa maioria dos posts não chama a atenção dos usuários ou não os interessa, o que indica a necessidade de qualificar os conteúdos publicados.

Tendo isso em vista, é válido mapear os tópicos de interesse de sua audiência nas redes sociais do atacado distribuidor, conforme já recomendado. Nesse sentido, é importante não pensar apenas em abordagens meramente comerciais visando a promoção de seus produtos.

Na tentativa de qualificar o relacionamento com seu público, será preciso atrair as pessoas com conteúdos relevantes, capazes de satisfazer dúvidas e problemas de seu dia a dia, antes de tentar vender algo para elas. A propósito, esse é um dos preceitos do Inbound Marketing, estratégia que se diferencia da publicidade tradicional.

Para além do conteúdo das publicações, também é preciso se preocupar com o formato delas. Tenha em vista que, enquanto um público é mais impactado por textos ou imagens, a preferência de outra parcela pode ser por imagens. Para cada segmento identificado, os formatos podem variar.

4. Invista em anúncios e no impulsionamento de conteúdo

Redes sociais, como o Facebook e Instagram, contam com uma plataforma de anúncios na qual os usuários podem explorar diversos recursos e funcionalidades para promoverem seus negócios. Com o chamado impulsionamento, por exemplo, você pode aumentar o alcance de suas postagens das redes sociais do atacado distribuidor e fazer com que o perfil de sua empresa passe a ser visualizado por um número maior de usuários.

Não se esqueça que, em média, uma publicação orgânica (sem impulsionamento) costuma ser visualizada por 5% de seus seguidores. Com o impulsionamento, esse percentual aumenta de forma significativa, pois além de seus contatos, as contas associadas a eles também visualizarão as publicações.

Para além dessa opção, ainda temos os anúncios. No Facebook Ads, por exemplo, eles aparecem não somente como publicações, mas também em outros ambientes, como nas barras laterais, banners do Messenger ou do Instagram Stories.

Outra diferença em relação ao impulsionamento é que o anúncio pode ser submetido a testes antes de ser veiculado. Dessa forma, você consegue identificar, de forma antecipada, qual a aceitação da abordagem da campanha frente a sua audiência.

Ao estruturar seu anúncio na plataforma, você também pode direcioná-lo para um segmento específico, segundo os seguintes parâmetros:

  • local, idade, gênero e interesse;
  • pessoas que curtiram sua página;
  • pessoas que curtiram sua página e amigos delas;
  • públicos personalizados em uma campanha anterior;
  • entre outras opções de personalização avançada.

5. Multiplique o público considerado relevante nas redes sociais do atacado distribuidor

Os recursos disponíveis em plataformas como o Facebook Ads permitem que as redes sociais do atacado distribuidor ampliem o contato com o público considerado relevante. Uma das estratégias mais conhecidas nessa área leva o nome de Lookalike.

Partindo dessa abordagem, você deve identificar quais perfis curtem suas publicações, realizam mais interações, baixaram um app ou visitaram seu site. As características desse grupo serão levadas à plataforma Ads, para que ela, então, encontre perfis similares para visualizar seus anúncios.

Com esse trabalho, é possível chegar a quem, de fato, se interessa pelos serviços da empresa e obter um alcance crescente para o perfil de seu negócio nas redes sociais. Com isso, a probabilidade de ter aderência a sua comunicação multiplica exponencialmente.

6. Esteja atento à periodicidade das publicações

Como muitos já sabem, a periodicidade das publicações é algo estratégico no gerenciamento de redes sociais. Por isso, ao estruturar sua estratégia, tenha em vista a necessidade de preparar um cronograma de conteúdos de periodicidade mensal, trimestral ou até semestral. Dessa forma, você garante que, para determinado período de referência, não faltará conteúdo em suas redes.

Esse planejamento é necessário para validar ideias a médio e longo prazo, o que ajuda você e seu time de marketing a pensarem em conteúdos capazes de engajar a audiência. Também não podemos nos esquecer que o relacionamento construído com seu público via redes sociais do atacado distribuidor leva tempo, exigindo presença constante nesse canal.

E para quem tem dúvidas sobre qual o número ideal de publicações semanais para cada tipo de rede social, destacamos que tudo depende de sua capacidade de produzir conteúdo relevante e gerenciar as interações obtidas a partir desse trabalho.

Se para as suas redes sociais do atacado distribuidor, por exemplo, duas publicações semanais no feed já representam um esforço significativo, permaneça trabalhando dessa forma. Afinal, publicar por publicar é uma situação indesejável, devendo ser evitada.

7. Disponibilize atendimento de qualidade em suas redes sociais

Um trabalho exitoso no gerenciamento das redes sociais do atacado distribuidor será responsável por promover diversas interações nas publicações no perfil da empresa e centenas de contatos via chat. Caso isso aconteça, ou já venha acontecendo, você está preparado para oferecer um atendimento de qualidade nesse tipo de canal?

Esta pergunta é importante, pois muitas empresas, quando começam a colher bons resultados no trabalho realizado nas redes sociais, não conseguem atender ao público de forma adequada. Respostas para dúvidas, pedidos de orçamento e reclamações demoram semanas para serem enviadas. Em termos práticos, isso significa colocar a perder todo o esforço para estabelecer um relacionamento com sua audiência.

Para que isso não aconteça, é preciso se fazer presente nesses canais, seja para responder interações dos usuários, seja para oferecer respostas no Instagram Direct ou no Facebook Messenger.

No caso dos chats, um recurso muito bem-vindo são os chamados chatboots. Essa ferramenta é capaz de oferecer respostas automáticas para as perguntas mais frequentes das pessoas, ou solicitar que elas aguardem por uma interação humana para receberem a resposta que precisam.

8. Aposte em uma assessoria profissional para gerenciar suas redes

Como visto, o gerenciamento das redes sociais do atacado distribuidor é um trabalho destinado para quem conhece o seu negócio e, ao mesmo tempo, conta com conhecimento apurado sobre marketing.

Nesse sentido, também chama a atenção a necessidade de contar com alguém ou com uma equipe disponível para realizar o trabalho. Afinal, são diversas frentes de atividades a serem gerenciadas, como planejamento, criação e publicação de conteúdo; gerenciamento de anúncios; atendimento ao público, entre outras.

Pensando nisso, muitas empresas contam com um profissional de marketing ou investem no trabalho de uma assessoria profissional na área. Dada a dimensão do trabalho, essas duas opções são as mais indicadas para quem deseja obter bons resultados.
​​​​​​​

E aí, gostou de conhecer nossas dicas sobre redes sociais do atacado distribuidor? Deixe sua opinião ou dúvida nos comentários.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *